Ki Suco

29 outubro 2014 Guloseimas    # 8.515 views
destaque

Hoje se você for no mercado comprar um refresco em pó não vai nem saber qual escolher. São tantas opções e marcas que você certamente vai perder um tempinho. Light, diet, duas frutas juntas, mais barato, mais caro, etc.

Porém, nos anos 80, havia apenas um, o campeão: o infame Ki Suco! Era só comprar o envelope de suco, do seu sabor preferido, adicionar 1 litro de água, açúcar (bastante, por favor) e estava pronto o refresco mais barato de todos os tempos. Em uma época que refrigerante era coisa de rico e só aparecia em casa nos finais de semana, era o Ki-Suco que salvava a pátria durante a semana.

O Ki-Suco se prestava a outro uso muito curioso – dava pra colocar um pouco de água no pó para ele virar uma massinha para as crianças brincarem. Detalhe, as professoras da época é que davam a dica! Eu lembro de ter usado Ki-Suco em sala de aula com essa finalidade! Isso é que era tempo bom…

Mas engana-se quem pensa que a história desse refresco começou na década de 80. Acompanhe.

Ki Suco

Kool Aid, o pai do Ki Suco

Na verdade, o Ki Suco nada mais é que o nome brasileiro do Kool Aid, refresco em pó americano inventado em 1927 por um distinto senhor chamado Edwin Perkins (com ajuda de sua esposa, Kitty), na cidade de Hastings, Nebraska.

Edwin vendia sucos concentrados na sua empresa, a Perkins Products Company, mas o transporte das caixas era uma dificuldade. Além do alto custo, várias garrafas do Fruit Smack chegavam quebradas. Edwin então teve uma ideia genial, revolucionária. Ele desidratou o suco concentrado, retirando dele toda a água e transformando-o em pó. A economia com transporte foi brutal, mas Edwin mal sabia que estava começando um império. Nascia o Kool-Aid.

Inicialmente, o suco em pó foi chamado de Kool-Ade, mas Edwin teve que trocar o nome para Kool-Aid por questões legais com o governo americano. O suco em pó, inicialmente lançado nos sabores Orange (laranja), Cherry (cereja), Lemon (limão), Grape (uva), Strawberry (morango) e Raspberry (framboesa), era vendido em saquinhos por 10 cents.

Kool Aid

Edwin largou todos os outros produtos da empresa para se concentrar no sucesso instantâneo do Kool-Aid. Ele abriu uma nova sede em Chicago e em pouco tempo distribuía para toda América. Em maio de 1953, Edwin vendeu a empresa para a General Foods Company. Mais tarde, a General Foods passou por uma fusão com a Kraft, formando a Kraft Foods em 1989. Até hoje a empresa é detentora da marca e seus produtos.

Ki-Suco, o Kool-Aid brasileiro

Agora vamos ao que interessa para os saudosistas dos anos 80. O Kool-Aid foi lançado no Brasil em 1961, com o nome de Ki-Suco. Em 1964, os envelopes do suco receberam uma reformulação completa – na época, chamaram de “modernização” 😉

Os envelopes passaram a ter o desenho do mascote oficial do Kool-Aid americano, o Kool-Aid Man. Uma jarra de suco enorme com olhos, nariz e boca, que andava por aí promovendo o suco. Para ajudar mais ainda na promoção do Ki-Suco, jarras de plástico eram dadas de graça na compra dos envelopes. Além disso, no mesmo ano foi lançada uma versão pré-adoçada.

O Ki-Suco sempre vendeu muito bem, mas realmente foi na década de 80 que ele explodiu, com várias campanhas publicitárias bem-sucedidas e a introdução da versão sem açúcar, em 1983. Por isso todos pensam que para fazer Ki-Suco era preciso de 1 litro d’água e 1 tonelada de açúcar. Na verdade, o Ki-Suco era pré-adoçado desde 1964, mas a versão sem açúcar é que ficou na memória de todos.

Na década de 90, com a Kraft Foods assumindo a marca, o Ki-Suco deu lugar ao Kool-Aid nas prateleiras brasileiras. Ao longo dos anos, muitas novidades forma introduzidas pela Kraft Foods, como uma versão do Kool-Aid sem cafeína (1999) e uma versão reformulada sem açúcar (com gosto muito parecido com o da versão original), onde a embalagem dizia que um copo tinha apenas 5 calorias. Outros produtos foram envelopes com quantidade para meio litro e com sabores misturados de frutas.

...ou deixe um recado por aqui :)
  1. Renata

    5 / 3 / 2015 17:35

    como eu acho linda essa jarra!!minha mãe colocava água dentro pra aproveitar o pozinho!!! SAUDADES….. 😀

    Responder

  2. Ricardo

    8 / 27 / 2015 21:16

    A língua ficava toda vermelha conforme o sabor do ki-suco

    Responder

  3. Hamblam

    1 / 24 / 2016 22:34

    Eu passava água no saquinho pra render mais.

    Responder

  4. neves

    2 / 1 / 2016 10:57

    ainda existe esse suco pra comprar?

    Responder

  5. Marcia

    7 / 16 / 2016 11:39

    Bom dia, não acho mais o verdadeiro k-suco. Onde posso encontrar na baxada fluminense, rio de janeiro

    Responder

  6. Gesimary

    9 / 17 / 2016 19:14

    Como gostaria achar pelo menos 1 Ki-Suco para tomar hoje

    Responder

Apelido:

E-mail:

Website:

Seu comentário:

Publicar Comentário